Arquivo

PRESS RELEASE ALROSA

0

ALROSA e Endiama assinaram um Memorandum de Entendimento

MOSCOVO, 4 de abril de 2019 – A ALROSA, a maior empresa de exploração de diamantes do mundo, e a Empresa Nacional de Diamantes de Angola Endiama assinaram um Memorando de Entendimento.

O CEO da ALROSA, Sergey Ivanov, e o Presidente do Conselho de Administração da Endiama, José Ganga Junior, assinaram o documento na presença do Presidente da Federação Russa, Vladimir Putin, e do Presidente da República de Angola, João Lourenço.

O Memorando de Entendimento visa fortalecer a cooperação económica, científica e tecnológica entre a ALROSA e a Endiama. Também identifica áreas de interesse mútuo para desenvolver a produção de diamantes em Angola, orientada pelas melhores práticas de responsabilidade social das empresas, desenvolvimento sustentável e transparência, colocando ênfase na pesquisa e prospecção de novos depósitos economicamente atractivos. O documento também prevê a promoção de tecnologias e transferência de conhecimento em exploração e outras actividades, bem como a cooperação em mecanismos de venda de diamantes.

As partes também pretendem cooperar no desenvolvimento de mecanismos de auto-regulação da indústria global e construir cadeias de fornecimento de diamantes responsáveis em apoio ao processo Kimberley, para apoiar iniciativas de âmbito industrial destinadas a promover produtos de diamantes em mercados-chave a fim de assegurar o desenvolvimento sustentável da indústria de diamantes nos dois países.

Para cumprir essas tarefas, a ALROSA e a Endiama concordam em desenvolver projetos conjuntos, como pesquisa, procura de instalações geológicas e de exploração, treinamento de especialistas angolanos nas instalações da ALROSA, intercâmbio de tecnologias. Os principais objetivos incluem também o financiamento de projetos de concessões conjuntos existentes e futuros baseados nos princípios de financiamento de projetos, promovendo a delimitação integrada de mercados internacionais de diamantes brutos e lapidados (naturais e sintéticos) para proteger a concorrência justa e os interesses dos países exploradores de diamantes.

“Para a Rússia e Angola, a indústria de diamantes é uma parte importante da vida nacional. Não se trata apenas do lugar na arena internacional ou do financiamento dos orçamentos, mas também empregos para pessoas e dezenas de projetos sociais implementados para eles. É claro congratulamo-nos com a assinatura do Memorando com a empresa nacional de Angola e temos o prazer de selar a nossa cooperação a longo prazo com um documento oficial que proclama o desejo conjunto de desenvolver as nossas iniciativas comuns “, afirmou Sergey Ivanov, CEO da ALROSA.

A ALROSA e a Endiama compartilham uma longa história de cooperação. As empresas são co-fundadoras do Catoca, a maior empresa de exploração de diamantes de Angola. Catoca produz e vende anualmente cerca de 6,8 milhões de quilates de diamantes. Suas reservas são estimadas em 120 milhões de quilates. Além disso, a ALROSA e a Endiama vêm realizando actividades de exploração em Angola como parte de uma joint venture desde 2014.

Escola “Brilhantes do Amanhã” inaugurada no Cuango

Anterior

JORNADA DO MINEIRO

Próximo

You may also like

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

More in Arquivo