Arquivo

Investidores avançam com propostas para Camafuca-Camazambo e Tchitengo

0
Jânio Correa Victor, José Alexandre Barroso, Mankenda Ambroise e Ganga Júnior

As duas concessões Diamantíferas  que fazem parte do lote das cinco Minas apresentadas em concurso público internacional, receberam, nesta quinta-feira 19 de Dezembro de 2019, seis propostas para outorga de direitos mineiros.

Dentre as propostas, quatro foram direcionadas à concessão  de Camafuca-Camazambo, que ocupa uma área de superfície de 1.389 km2 e localiza-se no nordeste de Angola, Província da Lunda-Norte, Município do Lucapa.

Outras duas foram para a Concessão Mineira do Tchitengo, que ocupa uma área de superfície de 1022 km2, e está localizada entre as Províncias das Lundas Norte e Sul,  a 120 km da cidade do Lucapa e a 50km de Saurimo.

O acto público de abertura das Propostas decorreu em Luanda, no Hotel Diamante, onde foram apresentadas no total 17 intenções para outorga de direitos mineiros : 6 para a concessão de fosfato na localidade de Cacata, Província de Cabinda, 4 para a concessão de Lukunga, Província do Zaire, e 1 para Kassala Kitungo, concessão de ferro, no Cuanza-Norte.

O concurso público internacional   foi aberto a 07 de Outubro 2019, antecedido de apresentações técnicas (roadshows) nas cidades de Luanda, Dubai, Beijing, Londres e Nova Iorque.

De realçar que as propostas apresentadas serão avaliadas segundo as regras do concurso e os vencedores anunciados no final do primeiro trimestre de 2020

CONCURSO MINAS 2019: PROPOSTAS ABERTAS QUINTA-FEIRA (19.12)

Anterior

Foto: Reportagem em caxinacagi

Próximo

You may also like

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

More in Arquivo